O Curso de Atualização para os membros dos Conselhos Municipais e Estadual sobre Drogas do Tocantins teve início nesta quarta-feira, 16, e continua nos dias 17 e 18, na UFT, das 8h às 18h. A capacitação é uma iniciativa da Gerência Estadual de Prevenção sobre Drogas da Secretaria da Cidadania e Justiça, juntamente com o Centro Regional de Referência sobre Drogas da Região Centro-Sul (CRR), ligado à Universidade Federal do Tocantins (UFT).

Ao todo, cerca de 30 conselheiros de 15 conselhos municipais diferentes são participantes, trazendo a realidade de cada município representado. “Esse número confere uma diversidade de ideias e propostas e, consequentemente, uma formação mais rica, entendendo que os conselhos são independentes, mas possuem junto o papel de gerir políticas públicas sobre drogas, de acordo com a realidade de cada município, para que elas sejam realmente efetivas”, explicou.

  • O Curso de Atualização para os membros dos Conselhos Municipais e Estadual sobre Drogas do Tocantins teve início nesta quarta-feira, 16, e continua nos dias 17 e 18, na UFT, das 8h às 18h.
  • Segundo a coordenadora do CRR Centro-Sul, Cristiane Roque, cursos como esse de formação são uma desconstrução coletiva.

 

Segundo a coordenadora do CRR Centro-Sul, Cristiane Roque, cursos como esse de formação são uma desconstrução coletiva. “Temos aqui uma heterogenia de visões e modos de pensar política. Então precisamos dialogar coletivamente, encontrar os pontos em comum nisso e trabalhar juntos para agir segundo a identidade de cada conselho”, observa.

O membro do Conselho Municipal de Gurupi, Matheus Eije Glória, é psicólogo e atua no CAPS AD (Álcool e outras drogas) III da cidade. Ele se sente contemplado com o curso e ansioso para levar o conhecimento adquirido aos outros conselheiros, bem como elaborar políticas públicas efetivas para o seu município, levando em consideração a mudança de concepção que está tendo com a capacitação.

“Esse curso pode ampliar nosso conhecimento para auxiliar no trabalho intersetorial de assuntos sobre drogas, principalmente no fortalecimento da rede institucional e buscar maneiras mais atuantes de trabalhar no conselho e na elaboração de políticas públicas para o município e todo o estado que sejam infalíveis”, acrescenta.

CRR’s

Os centros regionais de referência do Tocantins visam capacitar, de forma continuada e articulada com as políticas públicas relacionadas ao tema, os atores governamentais e não governamentais envolvidos nas ações voltadas à prevenção do uso, ao tratamento e à reinserção social de usuários de álcool e outras drogas, além de qualificar e fortalecer ações da rede de atenção a usuários e dependentes. Para isso, eles ofertam processos formativos gratuitos para agentes e trabalhadores atuantes no campo das políticas sobre drogas.

Atualmente, o estado possui dois CRR. O Centro-Norte, que abrange as cidades em torno de Araguaína e o Centro-Sul, que atende Palmas, Porto Nacional e Gurupi.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>